Profissionais de Enfermagem e Fisioterapia que trabalham no setor de UTI do Hospital Aluízio Bezerra passam por formação

Pode ser uma imagem de 1 pessoa e em pé

Profissionais de enfermagem e fisioterapia que trabalham no setor de UTI Covid do Hospital Municipal Aluízio Bezerra estão passando por um treinamento nesta quarta-feira (21).
 
Com o tema "Suporte Básico e Avançado de Vida", a formação acontece na sede do Hospital, sob responsabilidade da Cooperativa de Enfermagem (COOPERN), que é responsável pelos profissionais que trabalham no setor de UTI do Hospital de Santa Cruz.
 
A formação está atualizando o trabalho desenvolvido pelos profissionais de saúde, e faz parte das ações de capacitação, necessárias para um melhor atendimento aos pacientes.
 
A Prefeitura de Santa Cruz tem contrato com a Cooperativa de Enfermagem (COOPERN), que fornecem os profissionais de enfermagem para o trabalho no setor de UTI Covid do Hospital Municipal Aluízio Bezerra.
 
Por Assesoria de Imprensa

Arrecadação federal soma R$ 137 bilhões em junho; melhor valor para o mês em 10 anos

Moeda Nacional, Real, Dinheiro, notas de real,Cédulas do real
Foto: Marcelo Casal jr/ Agência Brasil
 
Com R$ 137,169 bilhões em impostos e contribuições em junho, a arrecadação federal registrou o melhor resultado para o mês desde 2011, quando o montante foi de R$ 143 bilhões. O número representa alta real de 46,77% ante mesmo mês de 2020.
 
Divulgada pela Receita Federal nesta quarta-feira (21), a arrecadação recuou 3,9% em relação ao valor recolhido em maio de 2021.
 
A arrecadação federal reflete, em sua maioria, o desempenho econômico do mês anterior. Logo, o resultado sinaliza que a atividade econômica continuou demonstrando sinais de recuperação, confirmando um impacto menor na economia do avanço da pandemia de Covid-19 em 2021.
 
Recorde no semestre
No primeiro semestre, o recolhimento de tributos já totaliza R$ 881,996 bilhões. O valor é o maior da série histórica para o período. Na comparação com o acumulado de janeiro a junho do ano passado, a alta real é de 24,49%.
 
De acordo com a Receita Federal, os resultados são explicados, principalmente, por fatores não recorrentes, como recolhimentos extraordinários de cerca de R$ 20 bilhões do IRPJ/CSLL de janeiro a junho de 2021, ante o valor, também extraordinário, de R$ 2,8 bilhões no mesmo período do ano anterior.
 
“Além disso, as compensações aumentaram 89% em junho de 2021 em relação a junho de 2020 e cresceram 51% no período acumulado”, acrescenta a pasta.
 
Por CNN Brasil

Mulheres de presos protestam por melhoria nas condições do sistema penitenciário do RN

Foto: Cedida
 
Dezenas de mulheres se concentraram, a partir das 10h desta quarta-feira, 21, nas imediações do Centro Administrativo do Estado, em Lagoa Nova, zona sul de Natal. São esposas, mães e demais parentes de presidiários as quais protestam contra as condições do sistema penitenciário do Rio Grande do Norte.
 
De acordo com Adriane Nunes, presidente da Unidade Popular (UP), a manifestação é motivada pela indignação de familiares de pessoas encarceradas que se organizaram para exigir condições "mais humanas". As manifestantes vêm, sobretudo, do bairro Guarapes, na zona norte da capital.
 
"Elas se organizaram de maneira independente e vieram pedir mudanças nas visitas de apenas 1h, alimentação mais digna, além de fim das torturas. Diante disso, articuladores de movimentos sociais somaram-se a essas mulheres para dar apoio", explicou a estudante de 19 anos.
 
Já Eleide Cristina, de 34 anos, é mãe de um presidiário e está insatisfeita com as condições às quais seu filho está submetido. "Estamos reivindicando os direitos, pois eles [detentos] não podem estar aqui. Os presos estão sofrendo muito pois tiraram roupas e lençóis deles e jogaram fora. Eles estão só de cueca. Até os itens de higiene pessoal foram tirados deles", conta a auxiliar de cozinha.
 
O movimento é acompanhado por agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF). Até a publicação desta matéria, o protesto ocorreu pacificamente, sem, portanto, registro de vandalismo nem violência.
 
Por Tribuna do Norte

Caixa anuncia abertura de 268 novas agências até o fim do ano; duas delas no RN

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
 
A Caixa Econômica Federal anunciou nesta terça-feira (20) a abertura de 268 unidades em todo o país até o fim do ano. Desse total, 168 unidades serão de varejo (voltada para todos os clientes) e 100 serão dedicadas ao agronegócio. Duas delas serão no Rio Grande do Norte.
 
Das 168 unidades de varejo, 70 serão abertas na Região Nordeste: 24 no Maranhão, 17 no Ceará, 11 em Pernambuco, 8 na Paraíba, 4 na Bahia, 2 no Piauí, 2 no Rio Grande do Norte, 1 em Sergipe e 1 em Alagoas. Na Região Norte, são 50 novas unidades: 28 no Pará, 14 no Amazonas, 4 em Rondônia e 2 no Amapá.
 
No Sudeste, serão inauguradas 30 unidades: 13 em São Paulo, 7 em Minas Gerais, 7 no Rio de Janeiro e 3 no Espírito Santo. No Centro-Oeste, a Caixa abrirá 14 unidades: 7 no Mato Grosso, 5 no Mato Grosso do Sul e 1 em Goiás. O Sul receberá quatro unidades de varejo: 2 em Santa Catarina, 1 no Paraná e 1 no Rio Grande do Sul.
 
As unidades voltadas ao agronegócio serão abertas em todos os estados. A primeira agência especializada foi inaugurada no início deste mês em Dourados (MS).
 
Com a abertura das unidades, o banco passará a estar presente em todos os municípios brasileiros com mais de 40 mil habitantes. O plano de expansão prevê que a Caixa alcançará 4,5 mil unidades próprias, entre agências e unidades especializadas. Além desses pontos, o banco tem 8.985 correspondentes bancários, 13.226 unidades lotéricas, além de agências-barco e agênciascaminhão.
 
Concurso
Na segunda-feira (19), a Caixa já tinha anunciado a contratação direta de 4 mil pessoas. Dessas, 3 mil serão convocadas entre aprovados em concurso vigente. As outras mil serão pessoas com deficiência (PcD), a serem selecionadas em concurso específico que será realizado conforme edital a ser publicado até setembro.
 
O reforço de mão de obra visa preencher os quadros também para cobrir necessidades criadas pelo plano de expansão da Caixa, que prevê a abertura das 268 novas agências até o fim do ano. Elas se somarão à rede de 26 mil pontos de atendimento, que inclui agências, lotéricas e correspondentes bancários, além de agências itinerantes, na forma de barcos ou caminhões.
 
Também está prevista a contratação de 800 recepcionistas e vigilantes, por meio de empresas terceirizadas, para atender unidades em todo o País. Além desses, também serão contratados 5,2 mil estagiários, já aprovados em processo conduzido pelo Centro de Integração empresa-escola (CIEE).
 
Por Tribuna do Norte

Oi! Clique em um dos nossos canais abaixo para falar pelo nosso WhatsApp ou envie-nos um e-mail para [email protected]

Fale conosco pelo WhatsApp
Close and go back to page