Cosern inaugura agência em Santa Cruz

Agora a população santa-cruzense e da região do Trairí conta com os serviços da Companhia de Energética do Rio Grande do Norte (COSERN). No box da companhia, que funciona na Central do Cidadão, a população poderá fazer reclamações, solicitar a 2ª via da conta de energia, cadastro na Tarifa Social, alteração de titularidade, solicitação de inspeção de medidores, parcelamentos, desligamento definitivo, verificação de consumo e débitos, religação e reativação de energia, novas ligações elétricas, ligação provisória para eventos, dentre outros.

Os demais serviços, como o atendimento através do 116, não sofreram quaisquer alterações.

O horário de atendimento da Cosern em Santa Cruz é o seguinte: de terça a sexta, das 7h às 12h e das 14h às 17h e aos sábados, das 7h às 15h.

Os serviços da Cosern era uma antiga reivindicação da população santa-cruzense, que desde a transferência do escritóro para Currais Novos, dependia exclusivamente daquele município para resolver algum problema.

A implantação da unidade da Cosern em Santa Cruz atende as novas regras Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), que passaram a vigorar desde a última terça-feira (15) e que estabeleceu que as cidades com mais de 10 mil unidades consumidoras de energia elétrica devem ter postos de atendimento presencial das distribuidoras para atendimento à população.

A regra consta das Condições Gerais de Fornecimento de Energia Elétrica, que estabelece os direitos e deveres do consumidor de energia elétrica.

De acordo com resolução da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), o horário de funcionamento dos postos varia de acordo com o número de unidades consumidoras e o tempo máximo de espera deverá ser 45 minutos.

A resolução também estabelece que, a partir de agora, as distribuidoras de energia que ultrapassarem os prazos de atendimento de prestação de serviços deverão compensar o consumidor. O prazo para ligação residencial em áreas urbanas é até dois dias úteis e o industrial, sete dias úteis.

A religação da energia deve ser feita em até 24 horas nas áreas urbanas e em até 48 horas, nas zonas rurais. Caso esses intervalos sejam descumpridos, o consumidor tem direito a receber na fatura do mês seguinte um desconto proporcional ao tempo excedente durante o qual o serviço não foi prestado.

Outro ponto das novas regras é que o fornecimento de energia por falta de pagamento só poderá ser suspenso em horário comercial. A conta atrasada há mais de 90 dias não poderá motivar suspensão desde que as faturas posteriores a ela estejam quitadas.

Em atendimento a Resolução 414/2010 da Aneel, além da agência de Santa Cruz foram inauguradas mais nove agências nos municípios de João Câmara, Macau, Apodi, Macaíba, Nísia Floresta, Touros, São Gonçalo do Amarante, Extremoz e Nova Cruz, que oferecem os mesmos serviços.