Após retotalização de votos, TRE-RN expede diploma de deputado federal para Fernando Mineiro

Foto: Eduardo Maia

Após a publicação do acórdão da decisão pelo indeferimento da candidatura a deputado federal de Kericlis Alves Ribeiro (PDT), conhecido como Kerinho, o Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN) expediu nesta quinta-feira (28) o diploma de deputado federal eleito em 2018 para Fernando Mineiro (PT). Com isso, Mineiro está credenciado a ser empossado no cargo pela Câmara Federal, assumindo a vaga de Beto Rosado (PP).

O indeferimento da candidatura de Kerinho tornou nulos os 8.990 votos dados a ele e, com isso, houve a retotalização dos votos, sendo necessário um novo cálculo do quociente eleitoral, o que provocou a mudança na bancada federal do Rio Grande do Norte.

No julgamento realizado na última sexta-feira (22), os juízes eleitorais entenderam, por 3 votos a 2, que Kerinho permaneceu vinculado a um cargo comissionado dentro de período vedado para pretensos candidatos.

Em comunicado enviado à imprensa nesta quinta, o TRE destacou que a coligação "100% RN" perdeu uma das vagas que havia conquistado em 2018, a qual pertencia a Beto Rosado (PP), e a coligação "Do Lado Certo" ganhou uma, elegendo Fernando Mineiro como deputado federal.

Por G1 RN