Após cancelamento da visita do presidente Bolsonaro a Mossoró, evento com ministros é adiado

Com o cancelamento da visita do presidente Jair Bolsonaro ao Rio Grande do Norte, o evento que seria realizado pelo Governo Federal na tarde desta quinta-feira (12) em Mossoró, na região Oeste foi adiado. Ainda não há nova data prevista.

Além dos presidente, os ministros Rogério Marinho, do Desenvolvimento Regional, Sérgio Moro, da Justiça e Segurança Pública e Tereza Cristina, da Agricultura, também estariam na comitiva que faria entregas e anúncios de investimentos no estado.

De acordo com o ministro potiguar Rogério Marinho, a decretação de uma pandemia mundial pelo Covid-19, o novo coronavírus e "problemas" na votação do orçamento.

"Infelizmente tivemos que adiar esse nosso encontro, em função das razões de segurança sanitária, com a decretação ontem, pela Organização Mundial da Saúde, de uma pandemia mundial, que nos obriga a ter uma maior segurança com a figura do presidente da república e com as pessoas no seu entorno. Então, por esse motivo, pela necessidade do presidente se debruçar em relação a problemas que ocorreram na votação do orçamento e de vetos que foram apreciados ontem pelo parlamento, o presidente vai precisar adiar esse encontro", afirmou em vídeo publicado nas redes sociais.

A perspectiva era de que, na primeira visita ao Rio Grande do Norte após tomar posse, o presidente da República entregasse equipamentos de segurança pública, assinasse licenças de pesca de atum e fizesse anúncios de investimentos no estado.

Por Igor Jácome, G1 RN