Polícia Militar confirma que corpo encontrado às margens da BR-226 é de vítima de homicídio, e não de acidente

A Polícia Militar confirmou que o corpo encontrado nessa quarta-feira (23) sem vida às margens da BR-226, próximo a Santa Cruz, foi vítima de um homicídio, e não de um acidente, como foi informado inicialmente.

A vítima da morte violenta trata-se de Aroldo Pereira das Chagas, morador de Santa Cruz.

Ele estava acompanhado de outro familiar na moto, quando homens chegaram em outro veículo atirando. O homem morreu na hora.

A outra pessoa que estava na moto conseguiu fugir pela mata. Não se tem detalhes de seu estado de saúde, pois ele ainda não se tem notícias de seu paradeiro.

O ITEP chegou a pouco para levar o corpo para necropsia e se constatou que a vítima foi atingida por vários disparos de arma de fogo.

Não se sabe a motivação, nem possíveis suspeitos do crime, que será investigado pela Delegacia de Polícia Civil de Santa Cruz.

Do Blog do Édipo Natan