PM prende 17 pessoas suspeitas de crime eleitoral em Caicó

 

Foto: Cedida

A Polícia Militar prendeu 17 pessoas suspeitas de crime eleitoral no município de Caicó, região Seridó do Rio Grande do Norte, na manhã deste domingo (15).

Segundo o 6º Batalhão da Polícia Militar, que cobre a região, o grupo estava reunido e usava vestuário padronizado, com camisetas e broches iguais, o que, segundo a legislação eleitoral, é proibido no dia da votação.

A assessoria de comunicação da Polícia Militar informou que o grupo foi conduzido para a sede a Justiça Eleitoral e depois todos vão prestar depoimento na Polícia Federal.

Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a Justiça Eleitoral proíbe, até o final do horário de votação, a aglomeração de pessoas portando vestuário padronizado, bandeiras e broches que caracterizem uma manifestação coletiva, com ou sem o uso de veículos. Esse tipo de manifestação pode ser feita de maneira individual.

Por G1 RN e Inter TV Costa Branca