Governo do RN renova situação de emergência por causa da seca em 135 municípios

Foto: Anderson Barbosa/G1

O governo do Rio Grande do Norte publicou na edição desta terça-feira (10), do Diário Oficial do Estado, a renovação do decreto de situação de emergência por causa da seca em 135 municípios. O número corresponde a 81% das cidades do estado. Este é 17º decreto seguido em 7 anos de estiagem severa.

O número de municípios incluídos na situação de emergência diminuiu. Na última publicação, em março, o decreto abrangia 148 municípios.

Os municípios atingidos pelo decreto foram definidos pelo Comitê Estadual para Ações Emergenciais de Combate aos Efeitos da Seca baseado em análises técnicas dos órgãos que integram o comitê. A análise leva em conta os relatórios de índice pluviométrico, de reserva hídrica no estado, fornecimento de água potável para a população e perdas na agricultura e pecuária, além dos dados do Monitor das Secas, da Agência Nacional de Águas (Ana).

Segundo a Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern), os municípios de Paraná e São Miguel ainda permanecem em colapso no abastecimento de água.

A situação de emergência pela seca facilita o trâmite dos processos que envolvem obras e serviços que minimizem os impactos causados pela escassez de chuvas.

Preocupação

O decreto ainda considera preocupante a situação de insegurança hídrica no estado, tendo em vista que o primeiro semestre de 2019 acabou com importantes açudes e barragens com capacidade superior a 5 milhões de metros cúbicos de água totalmente secos. São eles:

Santana, em Rafael Fernandes

Pau dos Ferros, em Pau dos Ferros

Pilões, em Pilões

Zangarelhas, em Jardim do Seridó

Itans, em Caicó

Esguicho, em Ouro Branco

Marechal Dutra (Gargalheiras), em Acari

Inharé, em Santa Cruz

Trairi, em Tangará

Santa Cruz do Trairi, em Santa Cruz

Japi II, em Japi

Prejuízos

Quanto aos prejuízos causados pela seca, o decreto cita que a Caern acumulou, somente nos primeiros seis meses do ano, perdas financeiras de R$ 2.961.080,23 em razão da paralisação do abastecimento de água em municípios atingidos pela seca.

Municípios em situação de emergência por causa da seca

Acari

Assu

Afonso Bezerra

Água Nova

Alexandria

Almino Afonso

Alto dos Rodrigues

Angicos

Antônio Martins

Apodi

Areia Branca

Baraúna

Barcelona

Bento Fernandes

Bodó

Boa Saúde

Bom Jesus

Caiçara do Norte

Caiçara do Rio do Vento

Caicó

Campo Redondo

Caraúbas

Carnaúba dos Dantas

Carnaubais

Cerro-Corá

Coronel Ezequiel

Campo Grande

Coronel João Pessoa

Cruzeta

Currais Novos

Doutor Severiano

Encanto

Equador

Felipe Guerra

Fernando Pedroza

Florânia

Francisco Dantas

Frutuoso Gomes

Galinhos

Governador Dix-Sept Rosado

Grossos

Guamaré

Ipanguaçu

Ipueira

Itajá

Itaú

Jaçanã

Jandaíra

Janduís

Japi

Jardim de Angicos

Jardim de Piranhas

Jardim do Seridó

João Câmara

João Dias

José da Penha

Jucurutu

Lagoa Nova

Lagoa Salgada

Lagoa D'Anta

Lagoa de Pedras

Lagoa de Velhos

Lajes

Lajes Pintadas

Lucrécia

Luís Gomes

Major Sales

Marcelino Vieira

Martins

Messias Targino

Monte das Gameleiras

Mossoró

Macau

Nova Cruz

Olho D’Água do Borges

Ouro Branco

Paraná

Paraú

Parazinho

Parelhas

Passa e Fica

Patu

Pau dos Ferros

Pedra Grande

Pedra Preta

Pedro Avelino

Pendências

Pilões

Portalegre

Porto do Mangue

Serra Caiada

Rafael Fernandes

Rafael Godeiro

Riacho da Cruz

Riacho de Santana

Riachuelo

Rodolfo Fernandes

Ruy Barbosa

Santa Cruz

Santa Maria

Santana do Matos

Santana do Seridó

Santo Antônio

São Bento do Norte

São Bento do Trairi

São Fernando

São Francisco do Oeste

São João do Sabugi

São José do Campestre

São José do Seridó

São Miguel

São Paulo do Potengi

São Pedro

São Rafael

São Tomé

São Vicente

Senador Elói de Souza

Serra Negra do Norte

Serra de São Bento

Serra do Mel

Serrinha dos Pintos

Serrinha

Severiano Melo

Sítio Novo

Taboleiro Grande

Tangará

Tenente Ananias

Tenente Laurentino Cruz

Tibau

Timbaúba dos Batistas

Triunfo Potiguar

Umarizal

Upanema

Venha-Ver

Viçosa

Por G1 RN