Caixa muda funcionamento de agências no RN para conter avanço do coronavírus

Foto: Luiza Garonce/G1

A Caixa Econômica Federal anunciou nessa quarta-feira (18) medidas para conter o avanço da pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Entre as mudanças, estão o acesso controlado da entrada e saída de clientes em agências; a abertura antecipada de unidades selecionadas em uma hora para atender os clientes que estão no chamado grupo de risco; gerenciamento de filas; e distribuição de senhas em cores para diferenciar a necessidade individual e agilizar o atendimento.

De acordo com o banco, caso seja necessário o fechamento de algumas unidades, a Caixa vai disponibilizar um número para que os clientes possam entrar em contato via WhatsApp com os gerentes do banco.

Entrada e saída nas agências

O fluxo de pessoas no interior das agências será limitado a no máximo 50% da capacidade dos assentos das unidades, para manter a distância de no mínimo um metro entre as pessoas. Empregados do banco poderão utilizar equipamentos de proteção no atendimento. Foram colocados cartazes com informações para orientar os clientes.

A Caixa também disponibilizou verba exclusiva para as unidades adquirirem produtos que auxiliam na prevenção, e solicitou a intensificação de limpeza de suas unidades.

Ações internas

Os empregados do banco que estão no grupo de risco foram liberados, a partir desta quarta-feira (18), para o trabalho remoto. Grávidas, pessoas com mais de 60 anos, diabéticos, portadores de doenças cardiovasculares ou pulmonares e em tratamento de câncer vão desempenhar suas atividades de casa.

As reuniões, pontos de controle e treinamentos presenciais foram substituídos por chats, vídeos ou audioconferências.

Por G1 RN