Governo deve pagar R$ 6 milhões em diárias durante Operação Verão no RN

Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros

O governo do Rio Grande do Norte deverá pagar cerca de R$ 6 milhões em diárias para manter um efetivo diário de mil agentes de segurança pública durante a Operação Verão, nos meses de janeiro e fevereiro, principalmente nos municípios do litoral potiguar.

Segundo a Secretaria do Estado da Segurança Pública e da Defesa Social o plano operacional será colocado em prática em todo o estado a partir da primeira semana de janeiro.

"O planejamento da Secretaria de Segurança e Defesa Social é de atender toda a demanda da população do Rio Grande do Norte, estando presentes em todas as regiões. Dessa forma, a integração do trabalho entre forças estaduais e municipais é fundamental para o sucesso da operação”, afirmou o coronel Francisco Araújo, secretário da Segurança do RN, durante entrevista coletiva, nesta quinta-feira (26).

De acordo com o governo, a Polícia Civil vai atuar com delegacias fixas e móveis e o Corpo de Bombeiros com ações de prevenção nas praias. A Praia da Pipa, uma das mais famosas do estado, contará com uma equipe fixa de policiais civis para registrar as ocorrências.

O lançamento oficial da Operação Verão irá acontecer no dia 04 de janeiro, na Rota do Sol.

Por G1 RN