IBGE lança edital com 3.402 vagas no RN; salários chegam a R$ 2.100

 

Foto: Reprodução / FAEPE

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) lançou edital com 3.402 vagas para recenseador e agente censitário. As inscrições podem ser feitas de 5 a 24 de março pela internet https://security.cebraspe.org.br/cadastro/.

Ao todo, são 2.888 vagas para recenseadores que vão receber por produção, 363 para agentes censitários supervisores, e 151 para agentes censitários municipais com salários de R$ 1.700. Todas as contratações para o censo são temporárias.

Todos os municípios do Rio Grande do Norte terão vagas para recenseador, que passará de casa em casa para realizar entrevistas com os moradores. Além dessa função, os municípios maiores terão agentes censitários municipais e agentes censitários supervisores.

A remuneração do agente censitário municipal é de R$ 2.100. Essa função é responsável pelo posto de coleta, a base das equipes do Censo nos municípios. Com remuneração de R$ 1.700, o agente censitário supervisor orienta diretamente o recenseador. A duração prevista do contrato dos agentes censitários é de cinco meses.

O recenseador tem contrato previsto de três meses e será remunerado por produção. O IBGE possui uma ferramenta online em que é possível simular a remuneração desta função, que varia de acordo com quatro fatores: unidades visitadas; questionários respondidos; pessoas recenseadas e taxa de remuneração por setor censitário.

Censo 2020

A operação do Censo Demográfico tem início em agosto e está prevista para ser encerrada até o final de outubro. Os 2.888 recenseadores visitarão todos os 1.054.122 domicílios potiguares para conseguir informações fundamentais para a formulação de políticas públicas, como: tipo de residência, a cor ou raça dos moradores, renda, alfabetização, como ocorre o acesso à água e outros tópicos.

No Brasil, são 71 milhões de residências. Além disso, o Censo 2020 vai atualizar o número da população brasileira.

Por G1 RN