IBGE estende prazo de inscrições para seleção de agentes censitários

censo_2010.jpg
O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) prorrogou as inscrições para o processo seletivo simplificado, que oferece 33.012 vagas para agentes censitários, para trabalhar nos 5.565 municípios do pais. As inscrições que terminariam nesta terça-feira (06) agora prosseguem até sexta-feira (09), nas agências dos Correios, ou pela internet através do site da Fundação Cesgranrio (www.cesgranrio.org.br), até o dia 18. 

As contratações são temporárias com duração de nove a doze meses, para trabalhar na organização do Censo 2010. A taxa de inscrição é de R$ 22 para as funções de Agente Censitário Municipal (ACM), Agente Censitário Supervisor (ACS) e Agente Censitário de Informática (ACI); de R$ 18 para a função de Agente Censitário Administrativo (ACA) e de R$ 30 para Agente Censitário Regional (ACR).  

Na região da jurisdicionada pelo escritório do IBGE em Santa Cruz, o quadro de vagas é o seguinte: (01) uma vaga para Agente Censitário Regional (ACR), para Santa Cruz, (01) uma vaga para Agente Censitário de Informática (ACI), também para Santa Cruz; Já para a função de Agente Censitário Municipal (ACM), há (01) uma vaga para cada um dos municípios de Sítio Novo, São Tomé, Jaçanã, Coronel Ezequiel, Lajes Pintadas, Santa Cruz, São Bento do Trairi e Japi. Para o cargo de Agente Censitário Supervisor (ACS) são (02) duas vagas para Campo Redondo, (02) duas para São Tome, (05) cinco vagas para Santa Cruz e (01) uma para Sítio Novo, Coronel Ezequiel, Jaçanã, Lajes Pintadas, Japi e São Bento do Trairi, cada.

Para concorrer, é necessário que o candidato tenha pelo menos 18 anos de idade, ser brasileiro nato ou português naturalizado, ter concluído o Ensino Médio (antigo 2º Grau), estar em pleno gozo dos direitos políticos e, no caso dos candidatos do sexo masculino, estar em dia com o Serviço Militar. 

Não podem concorrer servidores da administração direta ou indireta da união, estados, distrito federal e municípios, de empregados ou servidores de suas subsidiárias e controladas e, ainda, de contratados temporariamente nos últimos 24 meses. 

A prova prevista inicialmente para ser aplicada em 6 de dezembro será adiada devido a realização do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) que foi marcada também para os dias 5 e 6 de dezembro.