UFRN alerta sobre fibromialgia e desenvolve projeto para mulheres acometidas pela doença

A fibromialgia é uma doença que tem acometido cada vez mais pacientes pelo mundo, especialmente mulheres, já que a proporção é que para cada oito mulheres com a doença, um homem tenha o problema.

A doença consiste em dores crônicas musculares que atrapalham a locomoção e qualidade de vida dos pacientes, chegando a levar o indivíduo até quadros depressivos.

Com o passar dos anos, tratamentos cada vez mais precisos tem sido desenvolvidos, especialmente sob a responsabilidade de fisioterapeutas, que, com técnicas adequadas, se torna capaz de minimizar os efeitos da doença.

Neste foco, o campus de Santa Cruz da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (IFRN) tem desenvolvido ao longo dos anos projetos de pesquisa que minimiza os efeitos da doença nas mulheres.

A doença chega, geralmente, na meia idade e traz transtornos na locomoção dos pacientes e outros problemas que podem se tornar mais graves se não forem tratados adequadamente.

Desde a inauguração da clínica escola de fisioterapia que a UFRN Santa Cruz tem desenvolvido pesquisas com atendimento gratuito a mulheres com a doença.

A expectativa dos professores e alunos e que em breve as pesquisas desenvolvidas na UFRN Santa Cruz possam ajuda e o atendimento contínuo a pacientes com fibromialgia para minimizar os transtornos causados pela doença.

 

0 Comentários

Enviar comentário


FARMÁCIA DE PLANTÃO

quarta-feira
Trairí
3291-4514

© 2007 Rádio Santa Cruz AM - Rua Odorico Ferreira de Souza, n° 70, Bairro DNER, Santa Cruz/RN - CEP 59.200-000
(84) 3291-2300 - 3291-2201 - ZYJ-614 - 1.410 kHz - 5,0 KW